Dança corporal uma expressão sem limites

A adolescência é uma etapa do desenvolvimento que envolve muitos conflitos,  sendo considerada uma fase crítica, cheia de momentos turbulentos e que requer muita

atenção e compreensão das pessoas que circundam esse adolescente.

A escola faz parte deste universo e dentre as várias possibilidades de conteúdos, enfatizamos que as atividades dançantes podem contribuir para amenizar essa  fase de turbulências, pois auxilia o desenvolvimento biopsicossiocial.

download

A dança é uma forma de expressão humana, assim como a pintura, literatura, escultura, entre outras. Ela faz parte da comunicação não-verbal  que envolve todas as manifestações de comportamento como os gestos, as expressões de emoções, orientações do corpo, as posturas, a relação de distância entre os indivíduos e, ainda, organização dos objetos no espaço. Está presente no nosso dia-a-dia, mas, muitas vezes, não temos consciência de sua ocorrência e, nem  mesmo, de como acontece (KNAPP; HALL, 1999).

images

Pereira (2007) menciona que aprender a dançar significa também estabelecer novas formas de comunicação corporal, já que a aprendizagem da dança colabora para a expressividade de manifestação do corpo, ou seja, de manifestação do ser.

Dessa  forma, a dança é uma das mais poderosas formas de comunicação e expressão corpopral.

Uma  forma  de  linguagem universal e faz parte da cultura corporal da humanidade.

dance-pics

Neste estudo enfocaremos o contato corporal através da atividade de dança no salão, entendendo-a como uma manifestação eminentemente social, de identificação de um grupo, integração e forma de lazer e ainda que permita o desenvolvimento dos aspectos físicos, psicológicos e sociais.

Confira aqui alguns vídeos, do que uma dança é capaz de fazer!

https://www.youtube.com/watch?v=YbzJdsA355E

Até mais galera!

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *