A Importância da suplementação de proteína

Benefícios da proteína

 

images

 

As proteínas são moléculas formadas por cadeias de aminoácidos que possuem importantes funções para o nosso organismo, por isso são essenciais para a vida e boa saúde. Veja suas principais funções:

  • Enzimática: atua na formação de enzimas que possuem diversas funções no organismo, como digerir alimentos favorecendo a absorção adequada.

 

  • Estrutural: constitui a estrutura da pele, cabelos, articulações, músculos e tendões, conferindo firmeza.

 

  • Sistema imunológico: as proteínas compõem os anticorpos, responsáveis por combater vírus, bactérias e outros corpos estranhos prejudiciais ao organismo, prevenindo infecções.

 

  • Transporte de nutrientes: as proteínas também viajam pela corrente sanguínea levando nutrientes e oxigênio para os tecidos.

 

Também participam de processos de coagulação, formação de hormônios, nutrição, entre outros, por isso, o baixo consumo ou a exclusão de proteínas da dieta pode trazer prejuízos para a saúde, dentre eles a perda de massa muscular. As principais fontes alimentares de proteínas são os alimentos de origem animal, como carnes, leites e ovos, além de leguminosas, como feijão e lentilha. Além disso, existem diversos suplementos famosos à base de proteínas, utilizados principalmente por pessoas convalescentes ou praticantes de exercícios físicos, como whey protein, caseína, albumina e glutamina, entre outras.

As proteínas podem ser utilizadas em conjunto com a atividade física, com o objetivo de estimular a hipertrofia, ou seja, o crescimento da massa magra, por isso, é comum utilizar suplementos proteicos no pós-treino, período em que os músculos estão mais ávidos por receber aminoácidos e a suplementação é mais efetiva.

Ao todo, existem 20 aminoácidos que compõem diversas combinações de proteínas. Lembrando que as proteínas não podem ser digeridas inteiras, devem passar por um processo de quebra (digestão) para serem absorvidas na forma de aminoácidos.

O ideal é que antes de iniciar a suplementação ou aumentar o consumo de proteínas na dieta, você consulte um nutricionista para avaliar as suas necessidades individuais e adequar a melhor dosagem para cada objetivo.

O poder da Glutamina

 

Glutamina: poderoso aminoácido!

l_glutamine-300x300+cópia1

Muito provavelmente você já ouviu falar em glutamina, mas você sabe o que é? Vamos entender!

A glutamina é um aminoácido considerado essencialmente condicional, isso é, nosso corpo o produz, mas em situações como estresse, atividade física intensa, queimaduras graves, pós-operatório e doenças que debilitam o intestino e o sistema imunológico, os seus níveis caem muito e torna-se necessária à sua suplementação.

A glutamina é muito utilizada por atletas, mas nem sempre da forma correta, pois para que a glutamina seja utilizada pelos músculos é necessária uma dosagem maior. Em dosagens baixas, a glutamina é utilizada rapidamente pelas células intestinais (principalmente os enterócitos) com o objetivo de fortalecer o sistema imunológico, reestabelecer a integridade da mucosa intestinal e aumentar a absorção de nutrientes. Há estudos renomados que comprovam o importante papel da glutamina no reforço da imunidade.

Ao aumentar a absorção de nutrientes, a glutamina torna-se uma ferramenta interessante no processo de emagrecimento, uma vez que o processo pode ser dificultado justamente pela absorção inadequada dos nutrientes consumidos.

A glutamina é vendida em cápsulas e em pó (pote ou sachês) e a dosagem varia de acordo a finalidade de cada um. Se o intuito for devolver a permeabilidade intestinal e aumentar a absorção de nutrientes, sugere-se que seja consumida à noite. Mas se o intuito for preservar ou ganhar massa magra, o melhor horário é pela manhã ou durante o dia.

Em todo caso, para ajustes e adequações individuais é sugerido consultar um nutricionista.